Novidade de sobremesa gelada no Brasil

Sanduíche de sorvete é novidade no setor de franquias

Formato da empresa aposta no consumo de experiência para se diferenciar no mercado e driblar a sazonalidade.

Aumentou o número de franquias em formatos menos tradicionais, como quiosques, home based e lojas móveis. O setor de alimentação continua na liderança, com 35% das unidades. O Pequenas Empresas & Grandes Negócios conheceu uma nova marca que apostou no segmento de sorvete com um formato que consegue driblar a sazonalidade.

Uma nova rede de franquias apostou no sanduíche de sorvete. No lugar do pão, vai macarron ou brownie. Uma novidade que o dono da marca, Rodrigo Wanderley, viu na França: “Enxergamos oportunidade dessa sobremesa gelada no Brasil, país tropical e apaixonado por doces. Então, por que não unir tudo isso pro cliente personalizar a sobremesa quando quiser?”.

A ideia é apostar no consumo de experiência para se diferenciar no mercado e driblar a sazonalidade. Já são 10 unidades em operação. Segundo a empresa, dá pra fazer 2660 combinações diferentes de sanduíche de sorvete. O empresário também fez centenas de testes para desenvolver uma fórmula de sorvete que demorasse a derreter.

Para montar uma franquia do negócio, o investimento é de R$ 110 mil. O faturamento médio por unidade é de R$ 45 mil por mês e a margem de lucro de 20%. A franqueadora fornece as coberturas e o sorvete em barra. O franqueado só tem de cortar o sorvete e montar. O sanduíche de sorvete é vendido por R$ 16,90.

“É um modelo de negócio enxuto, com quatro funcionários, poucos produtos. Tem controle de estoque reduzido. Pessoa sem experiência pode operar. Oferecemos acompanhamento pra escolha do ponto, implantação, treinamento. Estamos juntos o tempo todo”, explica Rodrigo.

Manuela e Daniel Svirski montaram três quiosques em São Paulo em setembro do ano passado. “O público de São Paulo é aberto a novidades. A gente estava buscando coisas que atraísse. No mercado, tem que seiferenciar porque é ambiente competitivo”, afirma Daniel.

(Fonte: G1 / Globo)