SindSorvete realiza evento para comemorar a principal data do setor

odo ano, quando tem início uma das estações mais quentes do ano, a Primavera, é comemorado o Dia Nacional do Sorvete. Por isso, no último dia 21 de setembro, o Sindicato Intermunicipal da Indústria de Sorvetes – Sindsorvete-MG, realizou, em Pouso Alegre, no sul de Minas, um evento especial junto aos seus associados.

 

Os presentes, cerca de 130 pessoas entre empresários e fornecedores, puderam assistir à palestra “Os desafios de administrar negócios na cadeia produtiva de sorvetes no Brasil”, ouvir o case de sucesso da empresa Ice Bom e visitar a fábrica de sorvetes da rede. Também marcaram presença os presidentes da Associação Brasileira das Indústrias e do Setor de Sorvetes (ABIS), Eduardo Weisberg; e da Associação Gaúcha das Indústrias de Gelados Comestíveis e Afins (Agagel), Vanderlei Paulo Bonfante.

 

Para Elizabete Andreia Teixeira Prata, vice-presidente do Sindsorvete-MG, o evento é essencial para a união do setor. “O encontro nos leva à discussão dos problemas de uma forma coletiva e nos proporciona condições para encontrar soluções que, sozinhos, jamais conseguiríamos, como lutar por menos impostos, regimes tributários mais justos e a busca por projetos macros para a melhoria do setor. Fazer novos contatos, aproximação com fornecedores da cadeia do sorvete e gerar novos negócios, além de apresentar belas indústrias mineiras para aqueles que estão entrando no mercado de sorvete, são também pontos importantes”, destaca.

 

Segundo ela, o setor, assim como todos os demais, tem hoje grandes desafios. “As empresas de médio e grande porte vivem um momento delicado, pois um dos maiores players do mercado de sorvete adotou uma estratégia comercial extremamente agressiva, com preços muito baixos, a ponto de não cobrir os custos de matéria-prima e operacionais. As marcas regionais estão sofrendo muito com esta política de mercado. As micros e pequenas empresas familiares também enfrentam obstáculos, mas em se posicionar, pois existem nas grandes redes de supermercados sorvetes a preços muito baixos e as gelaterias, com um produto que ao olhar do público seria uma experiência gastronômica. Então as sorveterias precisam, a todo momento, provar para o consumidor que oferecem produtos de altíssima qualidade, que proporcionarão uma experiência maravilhosa ao consumidor, com preços justos”, analisa.

 

As comemorações do Dia Nacional do Sorvete foram encerradas com uma confraternização entre os presentes. O evento contou com o apoio da Fiemg, do Sebrae/MG e de 18 fornecedores do setor.

 

Dia Nacional do Sorvete

O Dia Nacional do Sorvete foi instituído pela ABIS em 2002. O objetivo da data é difundir o sorvete como um produto que, além de saboroso, pode fazer parte e, até mesmo, contribuir para uma alimentação equilibrada, além de poder ser consumido em qualquer estação do ano.